Total de visualizações de página

sábado, 29 de dezembro de 2012

Pujança e miséria do ativo SHOW3 ou T4F ou Time For Fun








Estreou na bolsa em 13/4/11
valendo R$ 16,00. Fechou o ano de 2012,
data de 28 de Dezembro, valendo R$ 7.84 com queda anual de 30,70%.

                                                                    A empresa. T4F negociada no código SHOW3 é uma empresa com alvo econômico na administração, promoção, organização, produção, agenciamento, programação e criação de atividades relacionadas com entretenimento ao vivo em áreas como esportes, artes, cultura, concertos e performances, atua também na administração e operação de locais como teatros, ginásios e estádios. A empresa gerencia quatro locais no Brasil ou o  Credicard Hall, o Citibank Hall, Teatro Abril, estes três espaços em São Paulo e um espaço no Rio de Janeiro ou o   o Citibank Hall, no Rio de Janeiro. Possui  uma casa de espetáculos na Argentina, o Teatro Opera Citi. Em 31 de dezembro de 2010 a empresa tinha cinco subsidiárias ou  Área Marketing Brasil Ltda., Metropolitan Empreendimentos SA, T4F Alimentos, Bebidas e Ingressos Ltda, T4F Inversiones SA e BA Inversiones SA., T4F USA Inc e Vicar Promoções Desportivas S.A.


                                                                     Liquidez. Não é o ponto forte neste ativo a liquidez, ou seja, não há um volume de negócios alto como no ativo da Petrobras ou Vale.




                                                                    Um péssimo terceiro trimestre em 2012. O lucro líquido da empresa despencou 29%, para 12,5 milhões de reais. Já a receita total aumentou 23% para 138 milhões de reais, impulsionada por maiores vendas no setor de entretenimento familiar por conta do musical da Família Adams e o espetáculo Varekai, do Cirque du Soleil e por mais receitas de patrocínio. No entanto, a receita de shows ao vivo caiu 18% na comparação com o terceiro trimestre de 2011. As vendas de ingresso caíram 12% empurradas por taxas mais baixas dos shows realizados neste trimestre e dos esperados para o quatro trimestre. Este trimestre foi marcado pelo fracasso dos show das cantoras Madonna e Lady Gaga. Outro marco neste final de ano foi a entrada de Eike Batista no ramo com a empresa IMX, isto diluiu o interesse neste ativo que perdeu o Cirque Du Soleil para a empresa daquele. Quando o ativo contava com o Cirque Du Soleil o seu valor girava em torno de R$ 17,50. após o anúncio girou em torno de R$ 7,50. O quarto trimestre de 2012 não será bom, a própria empresa disse isto. Quem aplicar tem que prestar a atenção no dólar uma vez que os shows internacionais são contrastados nesta moeda. quanto mais o real desvaloriza pior para o ativo e para os brasileiros que não poderão consumir o importado com desenvoltura. É lógico que o ativo pode procurar as alternativas domésticas e diminuir este impacto mas este detalhe é importante. O ano de 2012 foi o ano em que o dólar se valorizou bem acima da maioria das aplicações.


                                                                    25/10/2012, a T4F anunciou que o fundo gerido pela Gávea Investimentos reduziu sua participação acionária no capital da companhia de 12,8% para 6,88%. O fundo GIF II Fundo de Investimentos em Participações vendeu 4.102.600 ações SHOW3, reduzindo para 4.768.427 ações a sua fatia. A alienação foi feita no dia 20 de julho de 2012, o que provocou um forte aumento no volume financeiro movimentado no dia foi de R$ 68,2 milhões, acima da média diária de cerca de R$ 3 milhões.


                                                                    13/11/2012, a Gestora Rio Bravo entra na parada. A empresa divulgou que os fundos da gestora Rio Bravo detém 5,13% do capital da empresa após o Fundamental Investimentos comprar 1 milhão de papéis no dia 13/11/2012. Se um fundo larga um ativo outro pega mas quase sempre com uma cotação menor.

                                                                      A Time For Fun divulgou, em nota, a sua lista de atuais acionistas:
AcionistaNúmero de Ações% do Capital Social
Fernando Luiz Alterio18.597.10926,65
Stichting Depositary Cyrte Latam Fund6.778.6009,71
F.A. Comércio e Participações S.A.5.850.9828,38
CIE Internacional S.A. de C.V.3.869.9335,54
Fundamental Investimentos (Rio Bravo)3.578.5005,13
FAMA Investimentos3.522.9005,05
Outros27.593.44139,54
Total69.791.465100,00



                                                                     Se estes investidores deixarem o ativo de uma hora para outra, ao mesmo tempo, ele vira pó. Por isso é necessário saber quem é quem no ativo. Só que os investidores de peso só tem o dever de comunicar após as compras e vendas.



                                                                    14/11/2012, a gestora Gávea cai fora. A Time For Fun anunciou nesta data que a gestora de investimentos Gávea vendeu a totalidade das ações que possuía na empresa. Aproximadamente 4,3 milhões de papéis foram vendidos. O número de ações representava 6,3% do capital da empresa. O fundo da Gávea é um dos private equities que possuíam participação na empresa antes dela abrir o capital, em abril de 2011.



                                                                       Resumo do ano de 2012. Um ativo que valeu R$ 16,00 na estréia e fecha este ano em R$ 7,84 com queda de -30,70, ou seja em quase dois anos, certamente não teve um bom desempenhono período. Tudo pode acontecer com o ativo, até uma subida espetacular como uma queda grande em 2013, só que a crise que assola o mundo pelo jeito ainda vai provocar muitos estragos nos próximos doze meses. A única certeza é que a crise que começou em 2007, com um grande susto em 2008, ainda, não foi resolvida. Se a crise chegar no Brasil com força nos próximos meses as pessoas costumam, primeiramente, cortar entretenimento, o foco do ativo que sentirá no cerne,  o pibinho brasileiro de 2012 que o diga.

Nenhum comentário:

Postar um comentário